Outros

Abrindo o acervo: livros sobre futebol

Publicado em 02/06/2014 às 10h54

Neste mês, nosso país sediará a 20ª edição da Copa do Mundo de Futebol. Será a segunda vez que o Brasil receberá o maior evento de futebol do mundo que após 36 anos, retorna à América do Sul. Serão 31 times de países visitantes e o time do Brasil que competirão pela Taça Fifa ou "Mister Ball" de 12 de junho à 13 de julho.

Aqui na biblioteca, separamos alguns livros que falam sobre esta grande paixão dos brasileiros, sejam crianças ou idosos, que é o Futebol. Confira!

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

Você Sabia? Um pouco mais sobre o Guinness Book

Publicado em 22/05/2014 às 09h17

Você sabia que o livro mais consultado na Biblioteca Eldo Ivo Klain é o Guiness Book?

O Guinness Book foi lançado pela primeira vez no ano de 1955, após o diretor administrativo da cervejaria Guinness, em uma de suas caçadas, se envolver numa discussão sobre qual a ave mais veloz da Europa: a tarambola ou o tetraz. Inicialmente a ideia era criar um livro que fornecesse respostas para este tipo de perguntas, e assim, Sir Hugh contratou os gêmeos Norris e Ross McWhirter, que eram jornalistas especializadas na apuração de fatos para construir uma coletânea com os principais recordes. 

O livro foi criado como um brinde, mas acabou sendo um sucesso tão grande que virou um negócio a parte, e no mesmo ano que foi publicado pela primeira vez, tornou-se um dos livros mais vendidos do Reino Unido. Já no ano de 1956, foram vendidos cerca de 70 mil cópias só nos Estados Unidos. Depois disso, foram feitas diversas versões, geralmente uma por ano. Hoje em dia, o Guinness Book é traduzido para 37 idiomas e faz sucesso entre os leitores de todas as idades!

Confira abaixo algumas capas do fabuloso Livro dos Recordes!

 

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

Amanda Brusius Tomazi, uma poetisa

Publicado em 02/05/2014 às 15h38

A estudante do 2º ano do Ensino Médio, Amanda Brusius Tomazi, foi agraciada nesta semana com o 3º Prêmio Literário Portal Amigos do Livro 2013. Segundo o site Amigos do Livro, foram quase 3 mil inscrições e Amanda venceu em todas as etapas, ficando entre os 100 trabalhos selecionados. Até agosto deste ano, os poemas serão publicados em uma Antologia, a qual será lançada pela Scortecci Editora, em São Paulo.

Clique aqui e veja a lista de vencedores no site Portal Concursos Literários. 

A Biblioteca Eldo Ivo Klain parabeniza a autora e assídua leitora e frequentadora da Biblioteca por seus poemas de vocabulário enriquecedor que estimulam a imaginação dos leitores. Estamos muito orgulhosos pelo seu trabalho!

 

Confira abaixo o poema vencedor:

Ophelia

Altivo, agora remoto, o Sol explodia em fogosos amores;

Transmitia em seus raios o calor da manhã inebriada;

Junto dele e dela, admirando-a e a queimar-me em ardores,

Via rubra, n’água refletindo, Ophelia, minh’amada.

 

Pudera ser outro teu fado?

Puniu-me ao punir-te,

Tu pagaste pelos meus pecados!

 

Do labor de abrigar-nos enfadado,

O Sol arrastara de mim o anímico.

Cá estou, ê! Carniça pura, macerado!

 

Aquela pungência de fazer doer

E, o principal: queimar,

Aviso dorido seria do anoitecer?

 

Ai Sol, ai Lua,

Por que não me pertenceis?

Vosso dueto uníssono declararia: “Ela é tua! Ela é tua!”

 

Gotinhas cálidas de sereno

Adornavam a negra lisura dos seus cabelos –

Cujos fios destacavam-se na poética noite russa –

E consigo a Lua levou minha musa...

 

Novembro/dezembro de 2013

Amanda Brusius

 

Acesse outros textos da autora em seu perfil no site Recanto das Letras.

Categoria: Outros
Comentários (1) e Compartilhar

Corredor Poético - Uma extensão dos livros

Publicado em 30/04/2014 às 17h24

Durante o período que antecedeu o Sarau de Biblioteca - Especial Mario Quintana, quem passou pelos corredores da escola ou entrou na biblioteca pôde conferir os trabalhos criados pelos alunos do Ensino Médio no chamado "Corredor Poético".

Esta foi uma atividade proposta pela professora Ângela, que, em suas aulas de Redação, propôs aos alunos a criação de cartazes e folhetos que representassem os poemas do poeta homenageado. Utilizando sua criatividade, cada grupo, construiu o seu cartaz, fazendo releituras das diversas obras, como é o caso de "Poeminha do Contra" e "O Bilhete".

A imersão na literatura gaúcha e universal é parte integrante do currículo do Centro. Promover e incentivar novas formas de ver, ler e se relacionar com a literatura e o mundo é papel de todos nós!

Parabéns a todos! 

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

Dia mundial do Livro - Um dia cheio de curiosidades!

Publicado em 23/04/2014 às 14h08

Você sabia que no 23 de abril é comemorado o Dia Mundial do Livro? Mas, por quê?

Esta data foi criada pela Unesco com o intuito de encorajar as pessoas, especialmente os jovens, a descobrirem os prazeres da leitura. 

Já, o dia 23 de abril, foi escolhido por ser a data da morte de três grandes escritores da história: William Shakespeare, Miguel de Cervantes e Inca Garcilaso de la Vega, e também porque, na Espanha, há uma tradição que no dia de São Jorge, dá-se uma flor à quem comprar um livro.

Outra curiosidade interessante, é que a Unesco, juntamente com representantes de editoras do mundo inteiro, escolhem a cada ano uma cidade para ser a "Capital mundial do livro". No ano de 2014, a capital será Port Harcourt na Nigéria. 

 

Neste Dia Mundial do Livro, leia um trecho do seu livro preferido para alguém, mostre para quem você gosta o quanto é importante ler. Lembre-se, a leitura também alimenta!

 

 



“O livro é aquele brinquedo,
 por incrível que pareça,
 que, entre um mistério e um segredo,
 põe ideias na cabeça."
 (Maria Dinorah)

 

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

Leitura para crianças: dedicação e incentivo

Publicado em 03/04/2014 às 10h55

"É preciso desmanchar essa ideia do livro como objeto sagrado; é sagrado sim, mas para estar nas nas mãos das pessoas, ser manipulado pelas crianças". Magda Soares

Com o objetivo de incentivar o prazer da leitura, a Biblioteca Eldo Ivo Klain conta com um ambiente destinado a exploração e contação de histórias. Os estudantes da Educação Infantil e Anos Iniciais possuem horários semanais para troca de livros e quinzenais, para hora do conto.

Sendo assim, acreditamos que a Biblioteca é um dos ambientes que proporcionam o incentivo à prática da leitura, o respeito e  o cuidado com os livros, contribuindo assim, para a formação de adultos leitores. 

 

Clique no link abaixo e confira o artigo da Revista Criança sobre o prazer da leitura.

Revista Criança 40

 



 

 

 

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

Livro velho ou Livro Antigo?

Publicado em 21/03/2014 às 15h20

"A diferença está no uso. Se eu digo que determinado carro é velho, eu estou afirmando que ele não tem mais (ou tem muito pouco) condições de uso. Se eu digo que ele é antigo, eu estou atribuindo um valor a ele, afirmando que ele é um objeto do passado que ainda possui utilidade, seja ela a mesma que originalmente foi pensada para ele (no caso do carro, a de se locomover) ou estética, ou quem sabe ainda atribuindo uma nova função (como, por exemplo, a de objeto de coleção).

Pensando dessa forma, um livro velho seria aquele que não tem mais condições de ser lido? Nesse caso, uma grande parte das coleções de arquivos e bibliotecas de raridades espalhadas pelo mundo seria apenas uma porção de entulho que não serve para mais nada. Porém, acontece exatamente o contrário: as coleções de raridades já não podem ser manuseadas com frequência, pois podem danificar o objeto livro, mas seu conteúdo – o texto que ele contém – possui um valor inestimável para a história.

Sendo assim, um livro velho não é aquele que não possui mais condições de ser utilizado, pois, como disse anteriormente, não é seu uso que determina seu valor, mas o que ele contém: o texto. Esse  seria, portanto, um livro antigo. Então, o que é um livro velho? Essa pergunta é bem espinhosa. Ao meu ver não tem uma única resposta correta. Entretanto, acredito que um livro velho é aquele que já foi publicado há muito tempo, que está desgastado pelo uso  e que, no entanto, possui uma quantidade razoável de novas edições que repõem seu conteúdo nas livrarias e bibliotecas (...)." Texto retirado do Blog Trecos e Trapos.

 

Viram só?

   Nem sempre que vemos um livro antigo podemos dizer que ele não terá mais uso, na maioria das vezes você está levando em conta o lançamento do momento ou até mesmo a capa mais "moderninha". Não julgue o livro pela capa, mas sim, pelo seu conteúdo!

Categoria: Outros
Comentários (0) e Compartilhar

show fwB center tsY fsN normalcase|left tsN fwR fsN|left show fwR|b01 bsd||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR c10|b01 c05 bsd|login news c05 fwR|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||