Biblioteca Eldo Ivo Klain

NOVIDADES - Junho e Julho

Publicado em 27/07/2016 às 11h41

Confira as novidades!

LIVROS NOVOS - Julho de 2016

INFANTIL E INFANTO JUVENIL

ENSINO MÉDIO

Categoria: Novidades
Comentários (0) e Compartilhar

Poesia engajada de Ferreira Gullar chama atenção da Turma 221

Publicado em 29/06/2016 às 11h18

Iniciado com a música “Amei te ver” do cantor Tiago Iorc, o Sarau de Biblioteca para os alunos da turma 221 começou animado. A organização dos blocos ficou por conta dos próprios alunos, a cada cinco poemas, uma música tocada pelo colega Arthur Lamberti e acompanhada pela turma.

A turma surpreendeu nas declamações, trazendo elementos artísticos e expressivos bastante marcantes. Para os alunos, de acordo com os poemas lidos, ficou claro o engajamento social do poeta, percebendo que a preocupação desse autor perpassa o senso estético. O uso da metalinguagem foi outro quesito observado pelos alunos em alguns poemas do autor os quais falam exatamente sobre a construção de seus versos.

A cada final de bloco, uma música, mas, antes, a professora Ângela propôs um exercício de atenção no qual todos recitam seus poemas ao mesmo tempo. O exercício, para o aluno Otávio Blauth “é ótimo, pois, ao mesmo tempo em que nos deixa confuso, se prestarmos bem atenção em cada colega conseguimos transformar todos os versos em um único poema”.

O sarau da turma 221 ficou marcado pela descontração e dinamismo na apresentação e também pela qualidade das colocações trazidas pelos alunos.  Percebe-se ainda mais que para este trimestre houve uma intensa evolução e pesquisa sobre o estilo poético do autor, da mesma forma em que há cada vez mais uma aproximação com a escrita poética.

A turma 221 deu um show de interpretação! Parabéns!

Comentários (0) e Compartilhar

Subjetividade de Gullar é destaque no Sarau da Turma 231

Publicado em 29/06/2016 às 11h14

O segundo Sarau de Biblioteca do ano de 2016 homenageou o poeta brasileiro Ferreira Gullar, poeta engajado, dono de um vocabulário sem igual. Pseudônimo de José Ribamar Ferreira, segundo os alunos, Gullar é um poeta de fácil entendimento, que possui uma proximidade com a realidade e busca exprimir suas vivências tanto em situações da época da Ditadura Militar, em exílio, quanto na sua vida cotidiana.

O pensamento “fora da caixa” do que está inserido nos textos foi uma das características apresentadas pela aluna Cléo Rosa, além disso, ficou clara a identificação da característica linguística da metalinguagem, que no caso de Gullar, utiliza-se de seus próprios poemas para falar sobre poemas.

“Falar e não dizer exatamente o que quer dizer” utilizando-se da subjetividade, foi outra característica identificada pelos alunos da turma 231. Essa característica segundo a professora Ângela fica clara em seu livro “Luta Corporal” no qual aparecem as primeiras ideias que caracterizam os poemas do autor como parte do Movimento Concreto.

A música ficou a cargo do colega Arce Gottlieb, que tocou o sucesso “She will be loved” da banda californiana Maroon 5 e por fim, duas músicas conhecidas dos cantores brasileiros Tiago Iorc e Armandinho, “Alexandria”e “Lua Cheia”.

Parabéns a turma 231 pelo desempenho, cada vez melhor, no Sarau! Estamos orgulhosos!

 

Comentários (0) e Compartilhar

Biblioteca realiza exposição de pintor Taquarense

Publicado em 29/06/2016 às 09h32

Três obras do pintor Taquarense, Nelson Jungbluth estão disponíveis para exposição na Biblioteca Eldo Ivo Klain - no Centro Sinodal de Ensino Médio Dorothea Schäfke. Com iniciativa da bibliotecária Liseti Müller, a exposição pretende mostrar aos alunos da instituição pintores nascidos em nossa cidade, valorizando ainda mais aquilo que é nosso. A figura do gaúcho, nas mãos do artista plástico, ganhou encanto e virou poesia.

Estão em exposição no espaço as obras:

- Vendedor de peixes, 1981. Hotel L.de Pedra. N.Jungbluth.

- Moça com cerâmicas, 1981. Hotel L. de Pedra. N.Jungbluth.

- Muro da Mauá, 1996. Obra coletiva. Munu Actis Goretta (ARG), Carlos Carrion de Britto Velho (BRA), Nelson Jungbluth (BRA), Paulo Porcela (BRA),Ricardo Migliorisi (PAR) e Cecilia Mattos (URU).

Breve biografia do artista

Nasceu em 26 de setembro de 1921, em Taquara, RS. Iniciou sua carreira em 1936 através de histórias em quadrinhos , e em 1939 trabalhou para o suplemento juvenil "O Guri", no Rio de Janeiro. Ficou conhecido internacionalmente quando criou os conhecidos calendários da antiga empresa de transporte aéreo Varig, em 1972. Destacou-se como o melhor do mundo em arte publicitária entre as companhias de aviação. Em 1974 realizou sua primeira exposição individual na galeria IAB em Porto Alegre. Criou, de acordo com suas palavras, uma pintura monocromática “sem o contraste violento de cores”, conforme depoimento para o Jornal Zero Hora. Faleceu em 05 de abril de 2008 em Porto Alegre.

Fonte: Galeria Arte Quadros

 

 

 

 

 

Comentários (0) e Compartilhar

NOVIDADES - Abril

Publicado em 18/04/2016 às 07h47

Comentários (0) e Compartilhar

Turmas 221 e 222 dão show de interpretação no Sarau de Biblioteca!

Publicado em 18/04/2016 às 07h38

E o Sarau de Biblioteca continua! Na sexta-feira, do dia 08 de abril, foi a vez dos segundos anos (turmas 221 e 222) compartilharem literatura a partir do poeta Manuel Bandeira. Foi um momento de muita reflexão e aprendizado. Os alunos recitaram os seus poemas com muita autonomia e teceram comentários significativos daquilo que preparam para esse momento. Também trouxeram contribuições relevantes sobre a vida do poeta pernambucano. O momento foi acompanhado por muito talento musical. Arthur Gunschnig, Arthur Lamberti, Luciano Haubrich e Otávio Blauth, da turma 221, e Lucas Müller e Savas Flesch, da turma 222, enriqueceram o primeiro Sarau de Biblioteca de 2016, com diferentes estilos musicais. Fica a certeza de que o projeto (re)valoriza o período de leitura e também a Biblioteca, espaço primordial para a formação de leitores críticos, criativos e autônomos.

Categoria: Acontece na Biblioteca
Comentários (0) e Compartilhar

Rompendo estruturas no Sarau de Biblioteca da turma 232

Publicado em 11/04/2016 às 07h29

O Sarau de Biblioteca da Turma 232 iniciou com a apresentação do “Poema tirado de uma notícia de jornal”, que possui traços característicos da poética do homenageado e modernista, Manuel Bandeira. A discussão deu-se principalmente na apresentação de fatos relativos ao cotidiano e a simplicidade que viraram poesia nas mãos do escritor.

Segundo a professora Ângela, para compreender a forma como Manuel Bandeira apresenta sua arte, devemos nos voltar para a construção histórica da mesma - da arte -, que antes possuía apenas o objetivo de entreter e que, na poética de Manuel e dos outros poetas modernistas, surge como um modo de engajar-se com a sociedade.

Entre uma poesia e outra, os alunos Nícolas e Gabriel trouxeram a musicalidade popular brasileira para o Sarau. Os meninos apresentaram músicas do cantor Wesley Safadão, que suscitou a discussão sobre as rupturas estruturais, tanto trazidas pela música sertaneja atual em relação a outros estilos musicais, quanto na poética modernista na qual o autor homenageado se insere, e que rompe com os ideais parnasianistas.

Fica claro que há, desde o primeiro Sarau de Biblioteca, ocorrido em 2014, uma evolução enorme no grupo que está, hoje, realizando suas apresentações. Estes que participaram no “projeto piloto”, hoje demonstram suas aprendizagens de forma cada vez livre e espontânea, surpreendendo, nós, organizadores e fazendo-nos acreditar que a literatura pode ensinar e nos fazer refletir sobre nossa própria vida. Nas palavras da professora Ângela, a literatura “vai suscitar reflexões, que, talvez não agora, mas um dia farão muito sentido em nossas vidas, assim como a poesia “O Bicho” fez em minha vida”.

PRÊMIO – CORREDOR POÉTICO

Durante as duas semanas que antecederam o Sarau de Biblioteca, os alunos tiveram contato com imagens e textos que representavam um pouco da vida do poeta Manuel Bandeira e de um de seus principais poemas. Foi proposto aos alunos o desafio de identificar através das imagens o poema que elas representavam e posteriormente envio de E-mail respondendo a pergunta. Aqueles que respondessem corretamente o nome do poema concorreriam a um livro do autor homenageado.

Quem acertou o desafio do corredor poético foi a aluna Tainara Balt da Turma 232. Na ocasião do Sarau de Biblioteca da sua turma a aluna foi, então, premiada com o livro “Bandeira de Bolso – Uma antologia poética”.

Parabéns!

 

Categoria: Acontece na Biblioteca
Comentários (0) e Compartilhar

Sarau de Biblioteca, poemas e música com a Turma 212

Publicado em 06/04/2016 às 10h29

O primeiro Sarau de Biblioteca dos primeiros anos do Ensino Médio ocorreu no dia 6 de abril e teve início com a turma 212, acompanhados pela Professora Nicole. O sarau iniciou com a apresentação do momento histórico em que viveu o poeta Manuel Bandeira, o modernismo. Em grupos, os alunos apresentaram cartazes com representações dos poemas escolhidos através de desenhos, imagens e textos. Ainda nos grupos, declamaram poemas e expressaram suas reflexões acerca dos mesmos.

A música teve destaque com a aluna Dhara, que trouxe canções brasileiras de artistas e bandas como Maria Gadú, Legião Urbana e Chimarruts, que fizeram a turma inteira cantar. Ao final, a colega, Júlia, tocou um clássico da banda americana Creedence, intitulado “Have You Ever Seen The Rain?”.

O próximo Sarau de Biblioteca acontecerá com as turmas dos segundos anos do Ensino Médio, no dia 7 de abril.

Fique ligado nas próximas notícias!

Categoria: Acontece na Biblioteca
Comentários (0) e Compartilhar

show fwB center tsY fsN normalcase|left tsN fwR fsN|left show fwR|b01 bsd||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR c10|b01 c05 bsd|login news c05 fwR|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||